Notícias

CGI.br e NIC.br compartilham boas práticas durante programação do IGF 2015

Quase duas mil pessoas já se inscreveram no evento que acontecerá de 10 a 13/11 em João Pessoa

Membros do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br) e profissionais do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) estarão reunidos a partir do dia 10 de novembro, em João Pessoa (PB), com representantes das mais diferentes nacionalidades e setores da sociedade no décimo encontro do Fórum de Governança da Internet (IGF na sigla em inglês). O evento chega em 2015 ao final do segundo mandato de cinco anos conferido pela Assembleia Geral da ONU, e terá o Brasil como sede pela segunda vez – a primeira foi no Rio de Janeiro, em 2007.

O CGI.br participa do Multistakeholder Advisory Group (MAG), que assessora o Secretário-Geral da ONU na organização do fórum, e está encarregado, juntamente ao NIC.br, da produção logística que oferecerá a infraestrutura necessária para a realização do IGF. Além disso, ambos tomarão parte nas discussões que, este ano, serão pautadas pelo tema Evolução da Governança da Internet: Capacitar o Desenvolvimento Sustentável, em mais de 100 debates entre sessões principais, workshops e atividades paralelas.

“Participamos intensamente do IGF desde o início e, este ano, com a realização do evento no Brasil, não poderia ser diferente É com grande entusiasmo que contribuímos com um fórum desta magnitude, por seu caráter aberto e pela possibilidade de troca de experiências e boas práticas para maximizar as oportunidades na Internet, solucionar riscos e apontar desafios. Para nós, o envolvimento e diálogo entre pessoas de diferentes setores e nacionalidades é fundamental para inspirar políticas públicas efetivas que beneficiem o maior número possível de pessoas”, afirma Hartmut Glaser, secretário-executivo do CGI.br.

As discussões do IGF 2015 serão divididas em subtemas como Cibersegurança e Confiança; Economia da Internet; Inclusão e Diversidade; Abertura; Aprimorando a Cooperação Multissetorial; Internet e os Direitos Humanos; Recursos Críticos da Internet; e Questões Emergentes. Os especialistas do NIC.br e CGI.br integrarão alguns workshops sobre aspectos políticos e sociais inerentes à governança, como elaboração de pesquisas que orientem políticas públicas, e questões técnicas envolvendo a infraestrutura de redes, acessibilidade na Web. Participarão também de sessões sobre alocação de espectro, a transição do IPv6 e a sustentabilidade de pontos de troca de tráfego.

Participantes
O evento já conta com quase dois mil participantes inscritos, entre representantes de Governos, empresas, academia, sociedade civil e especialistas em assuntos relacionados à governança da Internet. As inscrições online foram encerradas, mas o IGF também terá espaço para participação remota.

Agenda
10º Fórum de Governança da Internet – IGF 2015

Data: de 10 a 13 de novembro de 2015
Local: Centro de Convenções Poeta Ronaldo Cunha Lima
Rodovia PB-008, Km 5, s/n - Polo Turístico Cabo Branco, João Pessoa – PB
Credenciamento para imprensa: www.intgovforum.org/cms/igf2015-media-registration
Programação: http://www.intgovforum.org/cms/igf-2015-schedule
Hot site do IGF 2015 (em português): http://igf2015.br/pt-BR/

Sobre o Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR – NIC.br
O Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR — NIC.br (http://www.nic.br/) é uma entidade civil, sem fins lucrativos, que implementa as decisões e projetos do Comitê Gestor da Internet no Brasil. São atividades permanentes do NIC.br coordenar o registro de nomes de domínio — Registro.br (http://www.registro.br/), estudar, responder e tratar incidentes de segurança no Brasil — CERT.br (http://www.cert.br/), estudar e pesquisar tecnologias de redes e operações — Ceptro.br (http://www.ceptro.br/), produzir indicadores sobre as tecnologias da informação e da comunicação — Cetic.br (http://www.cetic.br/), fomentar e impulsionar a evolução da Web no Brasil — Ceweb.br (http://www.ceweb.br/) e abrigar o escritório do W3C no Brasil (http://www.w3c.br/).

Fonte: Site CGI.br e NIC.br