Notícias

Alunos da Paraíba saem vencedores

Estudantes paraibanos vencem Desafio de Tecnologia e Inovação dos Institutos Federais, em Rondônia.

Mais uma vez, alunos do IFPB mostram que são capazes de aplicar os conhecimentos adquiridos em sala de aula na criação de robôs para competição. Os estudantes Júlio Cezar Torquato, do 4° ano do curso Técnico em Eletrônica e Eloísa Carateú, do 4° ano do curso técnico em Eletrotécnica do campus João Pessoa foram os vencedores do Desafio de Tecnologia e Inovação dos Institutos Federais, que aconteceu entre os dias 30 de maio e 01 de junho, em Porto Velho –RO.

Os alunos ganharam medalha de ouro na modalidade Robotino (robótica móvel), uma das principais categorias de competição. Essa modalidade era composta por provas em que o robô deveria percorrer circuitos em formas de labirinto, ultrapassar obstáculos e reconhecer cores.  De acordo com os alunos, o maior desafio foi fazer a programação do robô em apenas 3h, tempo estipulado pela equipe organizadora.

Júlio Cezar conta que ficou surpreso com o resultado, já que os alunos tiveram apenas seis meses para se prepararem e não conheciam o software utilizado na produção dos robôs. “A gente está muito feliz, confiante, não só porque ganhamos, mas porque esse vento proporcionou a troca de conhecimento com outros participantes e, agora, nos se sentimos bem mais fortes para competir”.

Como a primeira colocação na categoria Robotino, os alunos já estão classificados para participarem da seletiva nacional para o WorldSkills 2017, competição mundial, que será realizada em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes. Para se preparar para a seletiva nacional, que irá acontecer em agosto, em Vila Velha-ES, a equipe tem o desafio de refazer o sistema embarcado do robô, uma espécie de cérebro do protótipo, além de reestruturar toda a programação e algoritmos de controle. Apesar do trabalho que terão pela frente, eles estão confiantes que irão obter um bom resultado na seletiva. “Vai ser um grande desafio, porque vamos competir com estudantes que já trabalham com Robotino há muitos anos. Mas nós sempre temos a oportunidade de mostrar nosso melhor e conseguir vencer qualquer competição, só nos dedicarmos.”, destacou Eloísa.

Para o professor Cleumar Moreira, orientador dos alunos, participar de competições como essa trazem vantagens tanto para o estudante como para o Instituto. “Esse tipo de competição é interessante porque ele possibilita a oportunidade de você medir conhecimento e conhecer os projetos que estão sendo feitos, motivando o aluno a desenvolver novas pesquisas, fortalecendo a Rede e promovendo o crescimento da Instituição”.